'Sou uma grande fã', diz Ivete sobre shows em homenagem a Tim Maia

Do groove ao romântico, Ivete Sangalo e Criolo cantam Tim Maia em uma turnê que passará por oito cidades brasileiras. Embora já tenha incluído algumas faixas do repertório do síndico em seus próprios shows, como "Não Quero Dinheiro", a baiana se diz emocionada antes mesmo de subir ao palco para uma apresentação que terá um setlist exclusivamente com 28 canções de todas as fases da carreira de Tim Maia. “Sou uma grande fã. E fervorosa, que conhece todas as fases dele. Fases e frases, e comportamento. Foi uma sopa no mel "[o convite para participar do show]”, afirmou a cantora em entrevista coletiva. "Sempre quis cantar Tim Maia", completou. Ivete se disse tão fã que faz o pequeno Marcelo, o filho de 5 anos, ouvir com ela o repertório em casa, na preparação para a turnê. “Estou muito apaixonada por uma música que eu já amava que chama '"Lábios de Mel'. Quando comecei a cantar ela, falei: 'Ai, meu Deus, por que nunca cantei essa?' Tenho ouvido ela muito, em função dos shows. Meu filho está amando ela. Ele ouve comigo a época Racional de Tim Maia. Tem cinco anos, mas está amarradão no groove”, disse, provocando risos entre os jornalistas. A apresentação no Rio de Janeiro foi somente para convidados. “O show inteiro foi impressionante. Eu ficava na beira do palco ouvindo Criolo cantando Me Dê Motivo e emocionada. E tem a reação das pessoas, que são fãs também. É um show muito lindo. 'Em Dia de Domingo', a gente apertava a mão assim, dava uma vontade de chorar”, descreveu, se mostrando empolgada com a turnê. O rapper Criolo, divide o palco com Ivete Sangalo. "Eu e Criolo, em nenhum momento a gente quer ser Tim Maia. A gente quer desfrutar da companhia de Tim Maia. A interpretação é de cada um. As pessoas estão prontas para ouvir algo novo dentro do que elas já conhecem. A gente encontra nesse show a possibilidade de interpretar um cara tão emblemático, com uma voz tão marcante na cabeça de vocês", disse. O espetáculo tem direção musical de Daniel Ganjaman e direção geral de Monique Gardenberg. Ao todo, serão apresentadas 28 composições lançadas originalmente entre 1969 e 1986, entre elas um medley que une "Sossego" e "Do Leme ao Pontal", as animadas "Bom Senso", "Chocolate", Imunização racional (Que beleza)", além das românticas "Gostava Tanto de Você", "Azul da Cor do Mar" e "Primavera", entre outras. Segundo os organizadores da turnê, a escolha por homenagear Tim Maia era uma forma de “resgatar o otimismo do brasileiro”. Para divulgar o projeto, será criada uma estátua do cantor, formada por latinhas azul do creme, doadas pelos consumidores. A obra será elaborada por Christina Motta, responsável pela obra de Tom Jobim esculpida na Praia de Ipanema, no Rio de Janeiro, terra natal de Tim Maia. A previsão é de que a escultura seja concluída até o final de junho deste ano. A turnê Viva Tim Maia faz parte do projeto Nivea Viva, que já teve como homenageados Tom Jobim (em 2013, com shows de Vanessa da Mata) e Elis Regina (em 2012, com shows de Maria Rita). Depois de Porto Alegre, o show segue para Recife (PE), Salvador (BA), Fortaleza (CE), Brasília (DF), Rio de Janeiro (RJ) e São Paulo (SP).

Fonte: g1.globo.com

publicado por Fã Club Ivete Sangalo em CABO VERDE às 09:53 | link do post